10 dicas para aprender mais no ensino remoto

Em Comportamento profissional por André M. Coelho

Se você é um aluno de educação à distância, acompanhante de palestras, ou estuda remotamente por outras razões, pode ser difícil se ajustar a este formato. Embora a aprendizagem remota lhe dê muita flexibilidade, é importante que você tenha o espaço de trabalho certo, o ajuste da mente apropriado, e a rotina no lugar.

Aqui estão algumas ótimas dicas que você vai te colocar melhor para o aprendizado remoto.

1. Tenha uma rotina para o ensino remoto

Além de acordar no tempo e participar de palestras on-line, é importante agendar a tempo de passar por cima das anotações, algum tipo de exercício e tempo para hobbies e interesses.

Escrever tarefas logo pela manhã permitirá que você defina suas intenções para o dia e se sinta motivada para cumpri-las.

Um modelo de lista gratuito ‘para fazer’ on-line pode ajudá-lo a planejar seus dias.

Escreva cada tarefa, grande e pequena, que você deseja completar e destaque suas três principais prioridades para o dia.

2. Comunicação no EAD é importante

Lembre-se de que as mesmas ferramentas on-line (Moodle, Zoom, Microsoft Teams etc.) sendo usadas para entregar suas classes também podem ser uma ótima maneira de manter contato com palestrantes e colegas.

Faça perguntas durante as palestras, discuta tópicos em fóruns com os outros em sua classe e estenda a mão via e-mail.

Embora seus palestrantes não possam estar lá fisicamente com você, sua educação ainda é prioridade e eles estão lá para ajudar.

3. Pratique a atenção plena e seja gentil com você mesmo

Reserve algum tempo a cada dia para a meditação. Pode ser tão pouco quanto cinco minutos ou até uma hora. A meditação ajudará a reduzir o estresse e a ansiedade, além de ajudá-lo a relaxar.

Você pode se inscrever para 10 minutos de mentes ou baixar aplicativos, como calma ou headspace.

4. Crie um ambiente de trabalho para o aprendizado online

Fazer um espaço dedicado a estudar apenas irá ajudá-lo a se concentrar melhor. Para criar um espaço de trabalho produtivo, verifique se os objetos em torno de você são apenas aqueles que se relacionam com o estudo.

Certifique-se de que seu espaço esteja livre de desordem e não use sua cama como um lugar para estudar – é importante manter isso como um local de descanso.

Se você não tem uma mesa, seja criativo! Você pode usar uma mesa de cabeceira, uma prateleira ou sentar no chão.

Eu também recomendo trabalhar por uma janela para uma luz natural.

Otimização do ensino remoto

Otimize o ensino remoto para aprender mais e melhor de casa. (Imagem: divulgação)

5. Saia do seu pijama e tome seu café da manhã

É importante se levantar e pronto para o dia, como se você estivesse saindo ou para o campus.

Vestindo algo diferente do seu pijama vai fazer você se sentir pronto para assumir qualquer tarefa que você tem. Como dizem, pareça bem, sinta-se bem.

6. Certifique-se de que você planejou o seu almoço com antecedência

Ter almoço é importante, para lhe dar esse impulso e também para romper as tarefas.

Evite fazer coisas do zero no almoço, pois isso vai ocupar muito tempo. Você poderia ter algo rápido e saudável como um sanduíche, frutas, nozes e sementes, ou uma marmita que você deixa já pronta.

Você pode até querer deixar de lado uma parte do jantar para o almoço no dia seguinte.

7. Cancele as distrações do EAD

Quando você está estudando em casa, pode ser bastante fácil se distrair.

A maneira mais fácil de alcançar o foco e a produtividade é se distanciar de coisas que podem causar uma distração.

Você pode colocar seu telefone em outra sala, em uma gaveta ou mudar para o ‘modo de avião’.

Outra maneira é baixar o material em seu laptop ou telefone, desligar a internet, para evitar que você se registre em mídias sociais enquanto estiver estudando. O aplicativo permite congelar temporariamente as páginas que você sabe que pode compulsivamente visitar ao estudar.

8. Se ajuste para assistir palestras on-line

É importante lembrar que as palestras on-line são apenas palestras e conteúdo entregues de uma maneira diferente.

Ouça como você faria uma palestra normal e, se assistindo a uma gravação, tente assistir a uma velocidade normal. Bater o botão de pausa com muita frequência pode permitir que você se distraia facilmente.

Sua prioridade deve estar em entender o material mais do que qualquer outra coisa.

Além disso, se você está assistindo a palestras gravadas, observe-as de cada vez em que você será capaz de dar toda a sua atenção. Para alguns, isso pode ser a primeira coisa de manhã, para os outros, isso pode ser à noite.

9. Supere a queda de desempenho da tarde

Canalizar sua energia em outro lugar pode ajudá-lo a superar o mergulho em energia durante a tarde. Ao canalizar sua energia em outro lugar.

Se você se sentir inquieto e desfocado em torno de 3 às 17h, você pode querer fazer outra coisa por meia hora. Arrume seu quarto, ande por toda a casa, experimente um pouco de mesa ou pegue um lanche.

Quando você se senta de volta, você terá uma mente mais clara e estará pronto para se concentrar por mais algumas horas.

10. Tenha outras atividades planejadas para seu dia de estudos

Planeje atividades no final do dia que ajudarão você a tirar sua mente dos estudos, te ajudam a descansar e a se recarregar.

Você poderia cozinhar, assistir a um filme, ligar para amigos e familiares ou tomar um banho. Exercícios e jogos também são ótimas ideias.

Como você estuda melhor na educação online? Quais dicas daria para quem quer melhorar o desempenho?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André é pós-graduado em pedagogia empresarial, especializando na padronização de processos. Possui mais de 300 horas em cursos relacionados à administração de empresas, empreendedorismo, finanças, e legislação. Atuando também como consultor e educador empresarial, André escreve sobre Recursos Humanos desde 2012.

Deixe um comentário